Cruzeiros Destaques

Seabourn Quest é a nova opção em cruzeiros de luxo

O Seabourn Quest saindo do estaleiro

Especializada em cruzeiros de luxo, a Seabourn, empresa do grupo Carnival, acaba de receber dos estaleiros italianos T. Mariotti o seu mais novo navio, o Seaboun Quest, que, depois do Seabourn Sojourn, de 2010 e o Seabourn Odissey, de 2009, completa uma encomenda de três navios, no valor total de 550 milhões de euros.

Embora com ambiente de iate de luxo, o navio não é tão pequeno assim: tem 32.000 toneladas cúbicas de espaço, distribuidas por 198m. de comprimento e 28m. de largura, em 15 decks de acesso público. Os 450 passageiros contam com 225 amplas suites, das quais 202 têm varanda e sete têm acesso facilitado para cadeiras de rodas.

Espaço interno

Entre os espaços públicos estão quatro restaurantes, seis bares, café, três butiques, duas salas de exercícios, um salão de beleza, um business center, um cassino, uma biblioteca e um grande spa, com sete salas de tratamento, sauna, banho turco, etc.

Para dar uma rápida idéia do nível de acabamento do navio, além de outros materiais menos nobres, foram usados na construção do Sebourn Quest mais de 120 toneladas de mármore italiano, 3.800 quilos de mosaicos, 7.000 quilos de alabastro e 121 metros cúbicos de teca.

O batismo oficial do Seaboun Quest será no dia 20 de Junho, no porto de Barcelona, de onde o navio partirá em seu cruzeiro inaugural de quatorze dias para Atenas, fazendo escalas em cidades litorâneas da França, Italia, Turquia e Grécia. Sua primeira temporada será no Mediterrâneo, onde fará cruzeiros de uma semana entre Atenas e Instabul e Veneza e Atenas, além de um roteiro pelo Mar Negro. No final do ano, será reposicionado, num cruzeiro de Málaga, Espanha para Fort Lauderdale, onde ficará baseado para uma série de cruzeiros pelo Caribe.

O roteiro do cruzeiro de 109 dias que abrirá a temporada de 2012

Temporada de 2012

Em 5 de Janeiro de 2012, o navio começará uma viagem de 109 dias em direção a Veneza, com escalas em Bridgetown (Barbados), Ilha do Diabo (Guiana Francesa), Recife, Salvador e Rio de Janeiro, Jamestown (Saint Helena), Walvis Bay (Namíbia), Cape Town, Port Elizabeth e Durban (África do Sul), Maputo (Moçambique), Pointe Des Galets (Ilhas Reunião), Port Louis (Ilhas Mauricio), Male (Ilhas Maldivas), Colombo (Sri Lanka), Penang (Malásia), Cingapura, Ho Chi Minh e Chan May (Vietnam), Keelung (Taiwan), Shanghai e Hong Kong (China), Nha Trang (Vietnam), Port Kelang-Kuala Lumpur (Malásia), Phuket (Tailândia), Cochin, Marmagao/Goa e Mumbai (India), Khasab (Oman), Dubai (Emirados Árabes Undidos), Muscat e Salalah (Oman), Safaga (Egito), Aqaba (acesso a Petra, na Jordânia, Sharm el Sheik (Egito), Canal de Suez, Port Said e Alexandria-Cairo (Egito), Kerkira (em Corfu, na Grécia) e, finalmente, Veneza, na Itália.

 

O Seabourn Quest visto de ângulo

 

* Conteúdo fornecido pela publicação especializada Tudo Sobre Cruzeiros

 

 

 

Pin It on Pinterest

Share This